1

Aquele que procura um amigo sem defeitos, termina sem amigos...”

Deus
Tempo para Deus
Obs: Só leia se tiver tempo para DEUS'
Quando Deus tira algo de seu alcance,tipo suas horas extras. Ele não está
punindo-o, mas apenas abrindo suas mãos para receber algo melhor.
Concentre-se nesta frase... "A vontade de Deus nunca irá levá-lo aonde a
Graça de Deus não irá protegê-lo." Alguma coisa boa vai acontecer com
você hoje, algo que você tem esperado ouvir.. Por favor, não quebre!
Apenas 27 palavras. Deus, nosso Pai, CAMINHE pela minha casa e leve
embora todas as minhas preocupações e doenças, e POR FAVOR, vigia e cura
a minha família em nome de Jesus.... AMEM Esta oração é muito poderosa.
Passe essa oração para o máximo de amigos não apenas para 12 pessoas,
mas para todos. Todo mundo precisa de uma benção e agora nesse momento
uma bênção está vindo para você na forma de um novo emprego, uma casa, o
casamento,saúde ou financeiramente. Não faça perguntas. Este é um
teste. Será que Deus está em primeiro lugar na sua vida? Se assim for,
pare o que estiver fazendo e envie a mensagem. Observe o que Ele faz..

Postagem de Rosali Gazolla.
1

ETÉREO

                    ETÉREO

Algo lânguido, suave, afável, cobria-me despedida da carcaça pesada, envelhecida... Porque o chão tornou-se etéreo.
Caminhava, caminhava, não havia dor, não havia cansaço... Porque o chão tornou-se etéreo.
Talvez... Talvez! Se abrisse os braços e os balançasse delicadamente, poderia até... Quem sabe... Voar... Porque o chão tornou-se etéreo.
Arfavam... Arfavam sim as folhas pequeninas de árvores milenares e uma brisa gentil levava o calor e trazia o frescor... Porque o chão tornou-se etéreo.
Pássaros ao longe... Pequeninas criaturas aladas e frágeis solfejavam melodias ao longe... Mas bem perto ouvia a sinfonia dos pequeninos em suas fusas e semifusas a acariciar meus sentidos... Porque o chão tornou-se etéreo.
Ao longe... Ou bem perto... Do lado de lá... Ou do lado de cá... Não estava só! Mas estava só! Mas não me sentia só!... Porque o chão tornou-se etéreo.
Pequenos, bem pequenos, talvez incertos? Não. Estavam certos... Pés, pés desnudos tocavam uma relva úmida, macia e com destino certo a me conduzir... Porque o chão tornou-se etéreo.
Amor?... Amor!... Amor!... Dorme, mas não dorme em paz, não dorme com o coração aquiescido de amor e esperança. Como sabia?... Porque o chão tornou-se etéreo.
Um cheiro doce, diverso, lembrava-me das frutas, e lá estavam elas a balançar em seus pêndulos nas árvores frutíferas para saciar a fome. Fome? ... Não tinha fome, não tinha sede,... Era só o lembrar... Porque o chão tornou-se etéreo.
Uma ardência, uma dor e uma lágrima quente escorrem dos olhos, o chão duro e empoeirado pelo vento do velho mundo... Ah!... Porque o chão NÃO ERA ETÉREO.
Utopia.
Autora e editora do texto: Rosali Gazolla.
2

SURPRESAS GOSTOSAS DE AMIGAS DE VERDADE


  • Renata Souza publicou uma foto no seu Mural.
    Passei pelo Facebook, e me deu uma vontade de passar aqui e dizer um:
    Oooooiiiiiiiii!
    Ótima Sexta Feira!
    Beijos...
    É ou não verdade abrir uma página, seja lá onde for e ver assim, tão gratuitamente uma mensagem

  • dessas. É para colocar no rosto um baita sorriso e no coração uma alegria suave e terna de uma

  • amiga muito querida.

  • Obrigada Renatinha minha querida amiga.

  • 0

    PAZ

                   Paz...
                    Onde encontro a paz? ...
                             Pergunto-me a todo instante.
                          Procurei-a há tempos idos
                         Num lugarejo distante...
                                              Procurei-a num largo anfiteatro
    E ainda não achei...
                                      Procurei-a, desta vez, num circo
                              E também não encontrei...
                                  Então pensei: Está no lar!...
                                Mas também lá não estava.
                                            E pus-me novamente a buscá-la
                                                   Nos canteiros floridos, no pôr-do-sol,
                                                     Em todas as maravilhas do Universo
                               E nada consegui encontrar...
                                                    Um dia, embaraçada com tanta busca,
                         Perdi-me dentro de mim
                                                      E... Qual não foi a minha surpresa!
            Lá estava ela...
      A sorrir...

                                                                             **Amélia Rodrigues*
    Cam carinhos à todos que por aqui passarem.
    Beijos carinhosos Rosali Gazolla.
    3

    AMIZADE NÃO TEM PREÇO

    Amigas, esse rostinho lindo que voces estão vendo, com essas covinhas mais
    sapequinhas é da minha querida amiga Amanda.
    Falar da Amanda é quase impossível, porque ela tem qualidades inumeráveis,
    uma educação britânica e principalmente um coração afável, amável.
    Por isso quero que todos que por aqui passarem vejam não só o
    rostinho dela como também sintam a generosidade do seu caráter.
    Mil beijos querida amiga.









    Meninas, venho hoje convidar vocês pra conhecer o blog da minha amiga "sopão" Rosali Gazolla. rsrsrs
    Esse template estava à venda na lojinha e foi um presente de Natal antecipado para esta amiga super presente e que eu admiro muito.
    A Rosali é uma pessoa ímpar, de uma generosidade sem tamanho e de uma educação tão refinada que chega a dar inveja (no bom sentido, claro! rsrsrs).
    Pela música que toca no blog dela dá pra vocês terem idéia da "finess" da pessoa. kkkkkkk

    Pra vocês conhecerem essa pessoa tão especial, é só clicar AQUI.
    Assine o Feed e receba as atualizações diretamente no seu e-mail.
    1

    O BALÉ DAS FLORES

    http://player.vimeo.com/video/27920977?title=0&byline=0&portrait=0href=

    Clikr no link.
    Vejam.    Ouçam e   Apreciem. Lindoooo!!!!!!!!!!!!!!!!!




    .http://player.vimeo.com/video/27920977?title=0&byline=0&portrait=0href=

    .
    3

    DOMINGO MUITO LOOUUUCOOO!!!!!!!!!!!

    Meu prédio.
    Aptº 01, lá moram minha mãe e minha irmã.
    Aptº02 moramos meu marido e eu.
    Aptº03 nossa inquilina Denira, que que já está conosco há uns bons anos.
    Aptº04 alugado há mais ou menos vinte dias para uma senhora de 45 anos e seu irmão, aparentemente pouco mias novo do que ela.
    Tudo muito bom.
    Tudo muito bem.
    Amanhece o domingo, sol meio escondido, apesar do dia estar quente, mas tudo calmo e tranquilo como sempre foi nosso prédio.
    Não mais que de repente ( darei um nome ficitício a esse inquilino tá gente) o Chico bate na nossa porta com uma certa insistência chamando pelo meu marido.
    Como estávamos aqui na sala de computador que fica um pouco distante da porta de entrada, creio termos demorada um pouco para ouvi-lo, e as batidas então ficaram mais fortes e o tom de voz ligeiramente desesperador.
    Prontamente após ouvir o Chico, meu marido foi até a porta e quando abriu a mesma, SURPRESA: o Chico estava em total desespero com uma faca enorme na  mão jurando de pé junto que tinha um ladrão no apartamento dele.
    Sentou-se na minha escada dizendo: daqui não saio, daqui ninguém me tira.
    Muito bem. Então meu marido resolve subir até o aptº dele para ver o que de fato estava acontecendo.
    Creiam nada, absolutamente nada estava acontecendo.
    O Chico SURTOU, como nós o conhecíamos a poucos dias, resolvemos ligar para imobliária para falar com o corretor, mas este estava muito ocupado indo para o jogo de futeboll e nada poderia fazer: SINTO MUITO!!!!!!!!!!!!  Em palavras mais populares é aquele: SE VIRA HOJE É DOMINGO FUI!!!!!!!!
    Chico em  total desespero, começou a dizer que também tinha uma mulher assentada na árvore rindo.
    Sinceramente se não fosse trágico seria cômico.
    Então naquele desespero do Chico que foi aumentado consideravelente resolvemos chamar a polícia.
    Assim que a polícia chegou, revistou todo o apartamento do Chico e também chegaram a conclusão que CHICO SURTOU.
    Com jeito e malandragem de todo policial, engabelaram o Chico Surtado e o levaram para o Raul Soares.
    Uffffa que alívio, lá ele estaria protegido, pensamos nós. Seria feito uma triagem e ele tomaria algum tipo de medicamento que o tranquilizasse.
    Tudo muito bem.
    Tudo muito bom.
    Eram mais ou menos quatro horas da manhã e olha só: CHICO SURTADO  esmurrando a porta daqui de casa porque os ladrões voltaram.
    Nossa, lá no Raul Soares não fizeram nada, porque não tinha nenhum familiar para entrar em conato, então deram ao Chico Surtado algum medicamento que durou algumas horas, uma receita e o mandaram  embora.
    Um sono profundo e reparador tomava conta de nós dois, meu marido e eu.
    Lá no fundo, talvez do incoscinte meu marido escuta Chico esmurrando desesperademente a porta daqui de casa novamente.
    Assim que meu marido abriu a porta ele entrou e aos gritos mandou que fechasse a porta porque os ladrões já estavam subindo a escada atrás dele e pior com a  maldita faca na mão.
    E conversa daqui e coversa dalí, tentamos de todas as formas tranquilizá-lo mas, parece que o medicamento que deram a ele no Raul Soares só fez com que o Chico Surtado surtasse mais ainda!!!!!!
    Vou eu novamente chamar a polícia e dessa vez chamei o Samu também.
    Mas commo tudo nesse país funciona a passos de tartaruga, até que eles chegaram Chico Surtado, deu foi trabalho.
    Enfim a melícia chegou, o Samu chegou e com jeito levaram Chico Surtado, isso já eram quase seias horas da manhã.
    Dez, onze horas da manha, olha quem bate à minha porta? Chico Surtado, embora naquele momento não tão surtado, mas ele voltou, é o Chico Surtado voltou, mas como estava com seu surto meio que estacionado, pediu desculpas e foi par seu aptº.
    No meio de tudo isso ficamos sabendo que a " suposta irmã " dele havia viajado e ele estava sozinho.
    Hoje cedo o corretor entrou em contato com não sei quem, a mulher que estava viajando chegou, e lá foi Chico Surtado cabisbaixo, carregando malas, sacolas, sacos e pertences, sendo levado para a rodoviária e exportado para outra cidade onde tem parentes.
    Bom, o ser humano,ou seja todos nós somos imprevisíveis, inesperados, cometemos loucuras que as vezes as pessoas nem percebem. Mas como o surto é algo que assusta as pessoas, foi-se o Chico Surtado para longe mas com a certeza absoluta que não estava só, Deus estava com ele para ajudá-lo.
    Êita domingo bão heim sô
    Texto de Rosali Gazolla

    0

    Coisas de Rosali.

    Crreio em Deus Pai todo poderoso, criador do céu e da terra.
    Amém.



    Estive pensando que:- Sofia e Julinha relamente serão as personagens principais do blog, assim como surgirão vários protagonistas pois, sou assim, vou criando, criando e quando me dou conta já atropelei o que havia dito e já transfomei em outras prioridades o que antes não era.
    Sendo assim, acredito que antes de falar de Sofia e de Julinha devo falar do nosso Pai Maior, de Deus, de Jesus, de Nossa Senhora, enfim de todos os credos e toda força que tem a fé de quem acredita de fato em um Pai Maior que a tudo vê, a todos ajuda e nunca abandona seus filhos, por pior que eles sejam aos nossos olhos humanos.
    Então encontro-me aqui Senhor para pedir que tudo que aqui seja postado em forma de palavras, fotos, vídeos e o que mais vier, tenha sua benção e sua aprovação.
    Amo Deus sobre todas as criaturas.
    Obrigada.
    3

    Apresentações

    Essas serão com certeza as persnagens principais do meu blog.
    Amor perdido.
    Amor conquistado.
    É claro que terei muitos outros assuntos para contar, fotos para mostrar,
    mas essas duas criaturinhas são a razão desse blog.
    São elas Sofia e Julinha.
    1

    DOMINGO

    Hoje é domingo.
    Domingo é um dia gostoso, sem compromissos, dia da preguiça.
    Passei quase todo o dia fazendo lacinhos para enfeitar os presen-
    tinhos que envio nas minhas cartinas, é cartinhas.
    Participo do clube das cartas, é bom demais. É uma interação
    muito salutar, muito afável e principalmente é uma forma de
    deixarmos pelo menos por alguns momentos de sermoa apenas
    um link.
    Rosali Gazolla.